Top 9: Escritores Que Odiaram As Adaptações Cinematográficas De Seus Livros

Top 9: Escritores Que Odiaram As Adaptações Cinematográficas De Seus Livros

Coisa insuportável para um escritor é ver sua obra ‘adaptada’ para satisfazer a interpretação de quem a lê. Ora, cada um faz a leitura mental que considerar pertinente de tudo que se propõe a vislumbrar: o poema, um livro inteiro, uma exposição, uma peça de teatro… Interprete-os como lhe servir, mas...

P.L. Travers – “Mary Poppins"

A autora até tinha uma suposta influência no roteiro do longa-metragem, mas várias de suas anotações foram sumariamente ignoradas. Uma das coisas que Pamela Lyn...

Stephen King – “O Iluminado"

Apesar de ser idolatrado por muitos cinéfilos, “O Iluminado” desagradou seu autor. Stephen King disse que apesar de admirar demais o diretor Stanley Kubrick, el...

Anne Rice – “Entrevista Com O Vampiro"

O filme juntou alguns dos maiores galãs dos anos 90, como Tom Cruise, Brad Pitt e Antonio Banderas, mas Anne Rice disse que não haveria elenco mais bizarro para...

Winston Groom – “Forrest Gump"

É com a frase “Nunca deixe ninguém fazer um filme sobre a história de sua vida” que o segundo livro de “Forrest Gump” começa. A revolta do autor é porque os pro...

Anthony Burgess – “Laranja Mecânica"

Sejamos justos: Burgess não odiou apenas a versão cinematográfica de “Laranja Mecânica”, já que ele também se arrependeu de ter escrito o livro no qual o filme ...

Bret Easton Ellis – “Psicopata Americano"

A reclamação principal do autor é que “Psicopata Americano” foi pensado para ser um livro em que o narrador é o centro de tudo – algo que não funcionou muito be...

Roald Dahl – “A Fantástica Fábrica De Chocolates"

O autor odiou tanto o Willy Wonka interpretado por Gene Wilder que prometeu que nunca iriam fazer um filme da continuação de sua obra, intitulada “Charlie e o G...

Ken Kesey – “Um Estranho No Ninho"

O filme é um dos três únicos a levar os cinco Oscars principais (filme, diretor, ator, atriz e roteiro), mas mesmo assim não agradou o escritor original da obra...

Richard Mateson – “Eu Sou A Lenda"

Não basta uma e nem duas adaptações ruins: Mateson detesta as três adaptações do livro “Eu Sou a Lenda”. O filme “Mortos que Matam” (1964) é o que mais segue a ...

Continue vendo nossa lista especial para descobrir outras curiosidades...

Top 9: Escritores Que Odiaram As Adaptações Cinematográficas De Seus Livros

Ver Lista

Veja outros conteúdos exclusivos sobre o assunto!

Gatos Guerreiros: Á Quem Esse Gato Se Assemelha?

Ver Lista

𝕍𝕠𝕔𝕖 𝕤𝕒𝕓𝕖 𝕥𝕦𝕕𝕠 𝕤𝕠𝕓𝕣𝕖 𝕓𝕝𝕒𝕔𝕜 𝕡𝕚𝕟𝕜?

Ver Lista