Criar Quiz
Criar Quiz
Publicidade
Qual Jinchuuriki você seria?

Qual Jinchuuriki você seria?

Tags : Jinchuuriki mangá Naruto Anime

Descubra qual Jinchuuriki você seria.

Iniciar o Quiz
Incorporar
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
  • Ad

Qual desses animais você prefere? Qual desses animais você prefere?

  • Guaxinim
    Guaxinim
  • Gato🐈
    Gato🐈
  • Tartaruga🐢
    Tartaruga🐢
  • Gorila🦍
    Gorila🦍
  • Cavalo🐎
    Cavalo🐎
  • Raposa🦊
    Raposa🦊
  • Borboleta🦋
    Borboleta🦋
  • Polvo🐙 ou lesma🐌
    Polvo🐙 ou lesma🐌

Qual é a sua aldeia favorita de naruto? Qual é a sua aldeia favorita de naruto?

  • Konohagakure(Aldeia da Folha)
    Konohagakure(Aldeia da Folha)
  • Sunagakure(Aldeia da Areia)
    Sunagakure(Aldeia da Areia)
  • Kumogakure(Aldeia da Nuvem)
    Kumogakure(Aldeia da Nuvem)
  • Kirigakure (Aldeia da Névoa)
    Kirigakure (Aldeia da Névoa)
  • Iwagakure(Aldeia da Pedra)
    Iwagakure(Aldeia da Pedra)
  • Takigakure(Aldeia da Cachoeira)
    Takigakure(Aldeia da Cachoeira)

Você gostaria de ser um Jinchuuriki?
❌✔️ Você gostaria de ser um Jinchuuriki?
❌✔️

  • Sim✔️
  • Não❌

Você iria usar seu poder como Jinchuuriki para o bem ou para o mal? Você iria usar seu poder como Jinchuuriki para o bem ou para o mal?

  • Bem
  • Mal

Você é extrovertido(a) ou introvertido(a)? Você é extrovertido(a) ou introvertido(a)?

  • Extrovertido(a)
  • Introvertido(a)
  • Os dois(Ambivertido(a))
Gaara (Ichibi) Refazer

Gaara (Ichibi)

Gaara era uma criança amável, que apesar de ser temido por todos, tentava desesperadamente ser amigável com os outros. No entanto, as ações de seu tio distorceram sua personalidade, na qual o levou a acreditar que ninguém se importava com ele. Com todos pensamentos negativos vividos após a traição de seu tio, Gaara usou sua areia para criar um kanji em sua testa com o significado "amor" (愛, ai), como um símbolo de sua resolução de ser um "demônio que ama só a si mesmo", e jus ao nome que sua mãe havia lhe dado. Gaara tornou-se emocionalmente retraído e estranhamente silencioso, já que ele sentia repugnância por todos, além de passar a chamar de "mãe" a voz do Shukaku em sua cabeça. Ele passou a sentir prazer e uma razão para viver ao matar as pessoas que eram enviadas para matá-lo — e, por extensão, qualquer pessoa que representava uma ameaça à sua existência. Isso só foi agravado pela influência de Shukaku, fazendo Gaara satisfazer a sede de sangue do demônio, o que resultou em sua natureza impiedosa e sociopata, demonstrado quando ele assassinou Baiu e Midare, apesar de seus pedidos de misericórdia. Além disso, Gaara sofria de insônia como resultado de Shukaku estar dentro de seu corpo. Isso causava temor sobre Gaara; caso ele caísse no sono, o demônio dentro dele iria corroer a sua alma. Em função disso, a sua instabilidade e seu desejo de matar aumentaram drasticamente. O ódio de Gaara com o Kazekage antecessor era devido ao fato dele enviar assassinos para matá-lo, e devido esta impiedosa ação de seu pai, agitou ainda mais a sua natureza misantrópica que se estendeu até os seus irmãos, a quem ele nunca via como irmãos, apesar de eles nunca ofendê-los diretamente. No entanto, como citado por Gaara, caso fosse o caso, ele mataria seus próprios irmãos. Além disso, devido à areia o proteger de qualquer lesão, ele nunca viu o seu próprio sangue, até o momento em que Sasuke Uchiha perfurou seu escudo de areia e o feriu. Ao ver o seu sangue, Gaara teve um colapso mental grave.[11]
A infância de Gaara era um paralelo com a de Naruto Uzumaki de muitas maneiras. Ambos eram insuportavelmente solitários e desejavam serem queridos, amados e reconhecidos como indivíduos, apesar de eles serem jinchūriki — eles eram seres humanos, e não os demônios que tinham sido forçados a conter — e foram levados para estados de depressão e desespero. Enquanto Naruto consequentemente desenvolveu a ideia errada de que brincadeiras e travessuras lhe trariam a atenção que ele ansiava, Gaara chegou à conclusão de que ele podia preservar e confirmar sua própria existência, matando todos e qualquer um que o desafiar, garantindo desta forma uma prova de sua existencialidade. Na ausência de reconhecimento externo, Gaara passou a compensá-la, valorizando apenas a si mesmo com a exclusão de todas as outras pessoas. Além disso, enquanto Naruto tinha Iruka Umino e o Time Kakashi para confortá-lo, Gaara nunca se preocupou em fazer vínculos emocionais, nem mesmo com seu pai ou irmãos, como eles também desprezavam e temiam o Shukaku. A pessoa que chegou mais perto de reconhecê-lo era Yashamaru, mas quando Yashamaru foi condenado a traí-lo, Gaara se transformou em um sociopata solitário. Como tal, Gaara não conseguia entender o que motivava as pessoas a lutarem pelos outros, até seu confronto com Naruto durante o Exame Chūnin.

Compartilhar

Yugito Nii (Nibi) Refazer

Yugito Nii (Nibi)

Yugito ganhou confiança em si mesma através do trabalho duro, fazendo dela uma kunoichi orgulhosa, sábia e corajosa. Isto foi visto na parte II, quando prendeu dois membros da Akatsuki, juntamente com ela, jurando que nunca sairiam vivos.[4] Além disso, foi dito que ela era firme, decisiva e atenciosa com seus companheiros de equipe.[1]

Compartilhar

Yagura (Sanbi) Refazer

Yagura (Sanbi)

Yagura parecia ser muito formal, franco e sereno de uma maneira quase diplomática, como visto quando ele deu boas-vindas a Naruto Uzumaki em nome de todos os jinchūriki e bestas com cauda. Ele tem, no entanto, um lado exuberante e defensivo, não gostando se ser confrontado, como visto através de sua explosão exasperada com Naruto por pensar que ele era mais fraco e jovem que ele e que havia morrido antes de experienciar o mundo, bem como por ignorar o que ele estava dizendo. Yagura também era orgulhoso por suas realizações como Mizukage, alegando ser respeitado em sua vida. Yagura também era muito vingativo e curioso, quebrando sua formalidade ao perguntar para Naruto como foi beijar Sasuke.[5]

Compartilhar

Rōshi (Yonbi) Refazer

Rōshi (Yonbi)

Son mencionou que Rōshi era tão cabeça-dura quanto Ōnoki. Apesar disso, após observar a luta de Naruto Uzumaki contra Tobi e seus Seis Caminhos de Pain, assim como seu conhecimento do encontro final com o Sábio dos Seis Caminhos, ele lamentavelmente veio a acreditar que todos os jinchūriki poderiam ter seguido o caminho certo, se fossem mais como Naruto. Além disso, apesar de ser o jinchūriki de Son por mais de 40 anos[4], ele nunca se referiu à besta por seu verdadeiro nome, afirmando que ele não havia se tornado o coração mole o suficiente para fazer tal coisa, mas antes de Son ser selado pela Estátua Demoníaca do Caminho Exterior, ele disse a besta que ele nunca esqueceu o seu nome, fazendo as pazes com o macaco gigante.

Compartilhar

Han (Gobi) Refazer

Han (Gobi)

Han foi descrito como um homem de mentalidade viva e direta.[1] Ele tinha o hábito de deixar a mão direita dentro de seu quimono. Han também mostrou ser muito sociável e amigável, sendo que quando conheceu Naruto Uzumaki, o shinobi pareceu ser um indivíduo calmo e reservado, creditando as atitudes de seu colega e jinchūriki devido a eles testemunharem como Naruto havia tratado Kurama recentemente.

Compartilhar

Utakata (Rokubi) Refazer

Utakata (Rokubi)

(◍•ᴗ•◍)

Compartilhar

Fū (Nanabi) Refazer

Fū (Nanabi)

No anime, Deidara, o membro da Akatsuki, indica que Fū detestava a humanidade devido a ser negligenciada e odiada por sua aldeia. No entanto, quando vista com os outros jinchūriki e bijū, ela parecia ser uma pessoa bastante alegre e animada, e um tanto despreocupada, e fica sorridente quando lembra dos últimos momentos de Son Gokū, antes de ser selado. Ela também usa 'ssu' (っす) no final de suas frases, essa palavra geralmente é usada por meninos, o que dá pra ela uma atitude moleca. No anime, Fū é mostrada sendo uma criadora de problemas, quando ela foi chamada por Shibuki ela pensou que iria ser repreendida por algo que ela fez. Fū também parece ficar facilmente entediada. Ela também é notada por ser igual a Naruto Uzumaki, sendo imprudente em suas ações. Além disso, ao contrário da maioria dos jinchūriki, Fū é mostrada sendo muito amigável e ansiosa para fazer amigos. Apesar da vinda para os exames Chūnin, onde todos tinham que competir uns contra os outros, Fū ainda queria jogar jogos e tal com os outros. No amor de se divertir, Fū também é mostrada sendo destemida, por saltar em uma tempestade de areia durante a noite para lutar contra um misterioso perigo, vendo-o apenas como tão emocionante.[2]

Compartilhar

Killer Bee (Hachibi) Refazer

Killer Bee (Hachibi)

Killer B tem muito orgulho de seu próprio poder e também é muito orgulhoso de quem ele é. Como Naruto Uzumaki, que tem um grande excesso de confiança, Killer B pode ser muito arrogante e teimoso, especialmente em termos de sua própria força, exigindo o respeito dos outros e pede para ser chamado de "Senhor Jinchūriki" (人柱力様, Jinchūriki-sama) e sua Besta com Cauda ser chamado de "Senhor Oito-caudas" (八尾様, Hachibi-sama). B tem uma maneira especial de expressar o seu orgulho através da música, mais especificamente no estilo rap e tende a usar "Bakayarō! Konoyarō!" (「バカヤロー!コノヤロー!) ao referir-se ou falar com outras pessoas. Ele até mesmo escreve suas rimas no meio de uma luta, ou durante uma reunião importante, mesmo elas não sendo boas, o que é geralmente o caso. Ele recebe suas inspirações de rap de seus adversários no campo de batalha. Isso às vezes faz com que as pessoas ao seu redor fiquem muito irritadas com ele. B têm muito orgulho de suas habilidades de rap e não respeita quem quer tirar sarro do rap ou suas letras.
O Raikage observou que Killer B não é do tipo de pessoa que trabalha com base nas estratégias criadas por pessoas e que ele só iria trazer o caos em um campo de batalha;[2], em sua juventude, ele já foi visto completar missões, que deveriam serem designadas para ele e seu irmão, sem o conhecimento de A. O Raikage também observa que ele é o único ser que B vai ouvir, como ele é capaz de mantê-lo sob controle. Apesar de tudo isso, B reconhece o talento de outras pessoas quando o vê, e respeita as pessoas por isso. O principal exemplo é o seu companheiro jinchūriki de Kumo, Yugito Nii, a quem ele respeitava por suas habilidades extremas.[3] Ele também elogiou Sasuke após sua luta, afirmando que ele foi um dos shinobi mais fortes que ele já havia enfrentado. B tem uma relação muito estreita com seu irmão mais velho, o Raikage. De acordo com Motoi, a razão por trás dele se tornar um jinchūriki foi por causa de seu irmão, mesmo que isso significasse ser evitado pelos moradores. Ele não reclamou, e sempre foi alegre e determinado.

Compartilhar

Naruto Uzumaki (Kyūbi) Refazer

Naruto Uzumaki (Kyūbi)

Crescendo sem nenhuma figura paterna, Naruto é exuberante, ousado, desatento, descuidado e indiferente para a formalidade ou posições sociais. Ele costuma terminar frases com "Dattebayo!" (だってばよ!, TV Brasileira: Tô Certo!) quando animado ou frustrado. Ele tem uma série de características infantis, como ser um comedor muito exigente (ele come quase exclusivamente lámen), ter medo de fantasmas, além de carregar uma carteira gordinha de um sapo verde que ele chama de "Gama-chan".[15] Naruto tem um hábito de dar às pessoas que ele conhece apelidos ou usar honoríficos inapropriados, como mostrado quando ele ofendeu o Segundo Hokage por não chamá-lo de "Senhor Segundo" (二代目様, Nidaime-sama). Ele pode ser bastante pervertido, criando diferentes formas de sua Técnica Sensual e uma vez tentou dar uma espiadinha na casa de banho das mulheres quando a oportunidade apareceu.[16] Apesar dessas peculiaridades, Naruto é dito ter uma personalidade que atrai as pessoas a ele, tendo uma amizade inspiradora e lealdade que a maioria das pessoas encontram nele através de seus atos de bondade e sinceridade genuína que pode mudar toda visão do mundo de um homem. Por exemplo, durante a Quarta Guerra Mundial Ninja; Naruto inspirou os Bijū a confiarem nele e, quando conectado com toda a Aliança Shinobi através de telepatia, ele foi capaz de reacender o espírito de luta dos exércitos desmoralizados, optando por continuar a lutar, apesar das perdas que ele poderia receber, como os shinobi foram feitos para suportarem as dificuldades.[17][18]

Compartilhar

Madara Uchiha (Jūbi) Refazer

Madara Uchiha (Jūbi)

A infância de Madara foi um produto dos tempos em que viveu: um período de lutas constantes, que o tornaram um perfeccionista, seguro de si mesmo, confiante e orgulhoso de suas habilidades e talentos.[6] Sempre que um desses traços de sua personalidade eram contestados, na maioria das vezes sendo feita por Hashirama, um sentimento competitivo surgia em Madara. Madara não se importava com a influência de Hashirama a este respeito; ele acreditava que a única maneira de sobreviver no mundo Shinobi era fazer aliança com os inimigos.[7] Suas ações e crenças eram singularmente focadas em proteger Izuna, seu único irmão mais novo ainda vivo.[8] Enquanto ele tinha Izuna, Madara era uma pessoa razoável e disposto a fazer concessões para um bem maior.[9] Devido a ter passado muito tempo em sua infância interagindo com uma pessoa de fora, Madara não tinha sido vítima da Maldição de Ódio, tanto que ele até mesmo chegou a considerar aceitar a trégua de Hashirama, porém, desistiu devido a Izuna.
Madara mudou após a morte de Izuna. Ele se tornou amargo com os Senju, principalmente com relação a Hashirama, que ainda tinha um irmão. Ele abraçou a Maldição de Ódio de seu clã, optando por morrer por vingança, em vez de compromisso ou perdão.[10] Embora ele brevemente tentou deixar de lado sua dor e tentar substituir Izuna com a família coletiva de Konoha, ele nunca conseguiu se livrar da sensação de que ele estava traindo a memória de Izuna. O isolamento cada vez maior de si mesmo e dos outros Uchiha com relação a política da aldeia em última análise, o convenceu a isso, levando-o a quebrar plenamente quaisquer outros laços.

Compartilhar

Calculando Resultado
Ver meu resultado
Visitar Anúncio

Publicidade

clock facebook twitter whatsapp redo search x home profile pencil logout quiz list test user star