ESTUDO INTERCORRÊNCIA CLÍNICA II

ESTUDO INTERCORRÊNCIA CLÍNICA II
Calendar
🤍Esse é um teste para auxiliar no estudo de intercorrência clínica II 🤍Faça quantas vezes for necessário, até memorizar �... Veja mais
Publicidade

MOMENTO OPERATÓRIO: O QUE SIGNIFICA EMERGÊNCIA?

PACIENTE PODE ESPERAR "ATENDIMENTO DENTRO DE 24H a 48H"
CIRURGIAS PLANEJADA PELO CIRURGIÃO OU PACIENTE
PACIENTE NÃO PODE ESPERAR "ATENDIMENTO IMEDIATO"
Publicidade

MOMENTO OPERATÓRIO: O QUE SIGNIFICA URGÊNCIA?

PACIENTE NÃO PODE ESPERAR "ATENDIMENTO IMEDIATO"
PACIENTE PODE ESPERAR "ATENDIMENTO DENTRO DE 24H a 48H"
CIRURGIA FEITA POR ESCOLHA DO PACIENTE
CIRURGIAS PLANEJADA PELO CIRURGIÃO OU PACIENTE
CIRURGIA NECESSÁRIA QUE TEM QUE SER FEITA

MOMENTO OPERATÓRIO: O QUE SIGNIFICA CIRURGIA ELETIVA?

CIRURGIAS PLANEJADA PELO CIRURGIÃO OU PACIENTE
CIRURGIA ONDE O PACIENTE NÃO PODE ESPERAR
CIRUGIA ONDE PACIENTE PODE ESPERAR
Publicidade

MOMENTO OPERATÓRIO: O QUE É CIRUGIA ELETIVA NECESSÁRIA?

ESCOLHA DO PACIENTE
TEM QUE SER FEITA

MOMENTO OPERATÓRIO: O QUE É CIRUGIA ELETIVA OPCIONAL?

TEM QUE SER FEITA
ESCOLHA DO PACIENTE
Publicidade

QUANTO A FINALIDADE DA CIRURGIA: Qual dessas é a diagnóstica?

Procedimento realizado sem modificar a estrutura do órgão
Remoção total ou parcial de um órgão
Aliviar os sintomas da doença (ex: colostomia)
Exploração cirúrgica, confirmação do diagnóstico ( ex: biópsia )

QUANTO A FINALIDADE DA CIRURGIA: qual é a cirurgia paliativa

Confirmar o diagnóstico
Aliviar os sintomas de doença (ex: colostomia)
Remoção total parcial de um órgão
Tentar reconstruir o tecido que foi perdido ou lesionado
Publicidade

QUANTO A FINALIDADE DA CIRURGIA: Qual é a cirurgia ablativa ou radical?

Procedimento realizado sem modificar a estrutura do órgão
Tem a finalidade estética ou corretiva
Confirma um diagnóstico
Remoção total ou parcial de um órgão

QUANTO A FINALIDADE DA CIRURGIA: Qual é a cirurgia curativa?

Procedimento realizado sem modificar a estrutura do órgão
Remoção total parcial de um ângulo
Substituir órgãos ou estruturas não funcionais
Confirmar um diagnóstico
Publicidade

QUANTO AO POTENCIAL DE CONTAMINAÇÃO: contaminada

Presença de suprução ou tecido necrótico
Tecidos colonizados por flora bacteriana abundante
Tecidos colonizados por flora microbiana pouco numerosa

QUANTO AO POTENCIAL DE CONTAMINAÇÃO: limpa.

Tecidos estéreis (ex: respiratório, urinário)
Presença de supressão ou tecido necrótico
Tecidos colonizados por Flora microbiana pouco numerosa
Publicidade

Quanto ao potencial de contaminação: potencialmente contaminada

Tecidos estéreis
Tecidos colonizados por Flora microbiana pouco numerosa
Tecido colonizado por Flora bacteriana abundante

Quanto ao potencial de contaminação: infectadas

Presença de supuração ou tecido necrótico
Tecido de estéreis
Tecido colonizado por fora microbiana
Publicidade

CLASSIFICAÇÃO PÓS-OPERATÓRIO: IMEDIATO

Após 24 horas e até 7 dias depois
Período de início até 24 horas após o término do procedimento cirúrgico
Após 7 dias de recebimento da alta

Classificação do pós-operatório: mediato

Após 7 dias do recebimento da alta
Período de início até 24 horas
Após 24 horas e até 7 dias depois
Publicidade

CLASSIFICAÇÃO DO PÓS-OPERATÓRIO: TARDIO

Após 24 horas e até 7 dias depois
Após 8 dias do recebimento da alta
Após 7 dias de recebimento da alta
QUAL É A ESSA POSIÇÃO?

QUAL É A ESSA POSIÇÃO?

Litotomia
Fowler
Sims
Decúbito lateral
Publicidade
QUAL É ESSA POSIÇÃO?

QUAL É ESSA POSIÇÃO?

Peitoral
Decúbito ventral
Decúbito lateral
Dorsal
QUAL É ESSA POSIÇÃO?

QUAL É ESSA POSIÇÃO?

Dorsal
Decúbito lateral
Ginecológica
Fowler
Publicidade
QUAL É A SUA POSIÇÃO

QUAL É A SUA POSIÇÃO

Decúbito lateral
Decúbito dorsal
Sims
QUAL É A SITUAÇÃO

QUAL É A SITUAÇÃO

Trendelemburg
Fowler
Ginecológica
Peitoral
Publicidade
QUAL É A SUA POSIÇÃO?

QUAL É A SUA POSIÇÃO?

Trendelemburg
Fowler
Peitoral
Dorsal

CUIDADOS PRÉ-OPERATÓRIOS MEDIATO

Período de identificação da cirurgia até o dia anterior à mesma
Corresponde 24 horas anteriores a cirurgia
Publicidade

CUIDADOS PRÉ-OPERATÓRIOS: IMEDIATO

Período de identificação da cirurgia até o dia anterior à mesma
Corresponde a 24 horas anteriores a cirurgia

TEMPO CIRÚRGICO: DIÉRESE

Corte, divulsão
Apanhar estruturas
União dos tecidos
Publicidade

TEMPO CIRÚRGICO: HEMOSTASIA

Processo em que impede o sangramento
União dos tecidos
Corte

TEMPO CIRÚRGICO: exérese

Corte
Intervenção cirúrgica no órgão ou tecido desejado
União dos tecidos
Publicidade

TEMPO CIRÚRGICO SÍNTESE

Pinçamento de vasos
Corte
Aproximar as bordas de uma lesão

TIPOS DE CHOQUE: HIPOVOLÊMICO

Incapacidade primária do coração decúbito cardíaco
Ocorre em decorrência da sepse traz risco de vida
decorrente da perda de grande quantidade de líquidos e sangue
Publicidade

TIPOS DE CHOQUE: CHOQUE CARDIOGÊNICO

Incapacidade primária do coração de fornecer decúbito cardíaco
Reação alérgica grave
Ocorre em decorrência da sepse traz ciclo de vida

TIPOS DE CHOQUE: ANAFILÁTICO

Reação alérgica leve
Reação alérgica grave após contato com substância de alguns medicamentos
Incapacidade primária do coração de fornecer decúbito cardíacoIncapacidade primária do coração de fornecer decúbito cardíaco
Publicidade

TIPOS DE CHOQUE: NEUROLÓGICO

Resultado da cessação abrupta dos impulsos simpáticos com origens no sistema nervoso central
Ocorre em decorrência da sepse
Incapacidade primária do coração de fornecer débito cardíaco

TIPOS DE CHOQUE: SÉPTICO

Reação alérgica grave
Incapacidade primária do coração de fornecer débito cardíacoIncapacidade primária do coração de fornecer débito cardíaco
Ocorre em decorrência da sepse traz risco de vida
Publicidade

TIPOS DE ANESTESIA: ANESTESIA GERAL

Depositado no espaço peridural
Bloqueio condução nervosa
Perda de reflexo, inconsciência

TIPOS DE ANESTESIA: RAQUIDIANA

Depositado no espaço subaracnóide Da região lombar
Depositado no espaço peridural.
Depositado nos tecidos próximos da incisão
Publicidade

TIPOS DE ANESTESIA: PERIDURAL

Anestesia próxima ao local da incisão
Depositado no espaço peridural
Anestesia total

TIPOS DE ANESTESIA: LOCAL

Anestesia total
Anestésico nos tecidos próximos ao local da incisão da cirurgia
Alívio da dor da pele lesionada
Publicidade

TIPOS DE ANESTESIA: tópica

Anestesia total
Alívio da dor da pele lesada por feridas, úlceras e traumatismo ...
Anestesia nos tecidos próximos ao local da incisão
Publicidade
ComentáriosÚltima atualização: -
Clique aqui e seja o primeiro a comentar!

Você vai gostar também

Carregando...