Você sabe tudo sobre Fake News?

Você sabe tudo sobre Fake News?
Calendar
Vamos ver se você sabe o básico sobre como identificar e como agir. 
Publicidade

1.Como podemos identificar fake news nas redes sociais e em outras plataformas online?

Acreditar em todas as notícias que parecem plausíveis.
Não existe fake news, pois ao entrar no site ou nas plataformas, os cods identificam a fake news automaticamente.
Verificar a fonte da informação e buscar por notícias em veículos confiáveis.
Publicidade

2.Quais são as principais características de uma notícia falsa que devemos estar atentos ao avaliar sua veracidade?

Quanto mais compartilhada a notícia,mais verdadeira ela é, pois nessa altura do campionato ela já deveria ter se mostrado fake.
Todo conteúdo que apresenta uma opinião é falsa.
Falta de fontes confiáveis, uso de linguagem sensacionalista e erros factuais evidentes.

3. Quais são as ferramentas e estratégias que podemos utilizar para verificar a autenticidade de uma notícia antes de compartilhá-la?

Perguntar aos familiares ou ao um adulto, caso ele diga que a notícia é fato então ela definitivamente é certa
Fazer uma busca reversa por imagens, consultar agências de checagem de fatos e verificar a data da publicação.
Compartilhar a notícia imediatamente se ela confirmar nossas crenças pessoais.
Publicidade

4.Além da verificação de fatos, que papel as plataformas digitais e os usuários podem desempenhar no combate à propagação de fake news?

Ignorar notícias duvidosas e não se preocupar com a disseminação de desinformação.
Os sites e plataformas não tem responsabilidade nenhuma com as fake news o papel do site é apenas postar.
Denunciar conteúdo falso, promover educação midiática e compartilhar fontes confiáveis.

5. Qual é a importância da educação midiática e do pensamento crítico na luta contra as fake news?

Acreditar em tudo que é divulgado sem questionar sua veracidade.
Capacitar as pessoas a questionar, analisar e discernir informações para tomarem decisões informadas.
Não é importante, pois o ser humano já tem a capacidade de questionar, independente da sua idade ou educação midiática.
Publicidade
Publicidade
ComentáriosÚltima atualização: -
Clique aqui e seja o primeiro a comentar!

Você vai gostar também

Carregando...